Mostrar mensagens com a etiqueta ***MANUSCRITOS/DOCUMENTOS. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta ***MANUSCRITOS/DOCUMENTOS. Mostrar todas as mensagens

15 agosto, 2022

Vinhos de Monção + Carta Manuscrita

Machado, José Cerqueira - Estudo Histórico e Documental dos Vinhos de Monção. Como a incompetência rebaixou o melhor vinho de mesa á categoria de taberna e o que a lavoura precisa saber para impor os seus direitos... Tipografia "Casa dos Rapazes", Viana do castelo. Monção, 1960. In-8.º de 36 págs. Br. Primeira edição. Exemplar com dedicatória do autor.
- Carta manuscrita de 2 páginas de José Cerqueira Machado, datada de 23/10/1960, dirigida a Joaquim Leite tecendo considerações sobre a presente obra que lhe oferece.
€ 60,00

04 agosto, 2022

Manuscrito: Cartão de Carlos Leal a Pereira Coelho

Cartão personalizado com retrato desenhado, manuscrito e assinado em ambas as faces do actor Carlos Leal a Pereira Coelho, com data de 30-12-1927. [Meu caro Pereira Coelho: Saúdo-te e felicito-te sinceramente pelo feito alcançado. Nunca o pus em dúvida. Parabéns pois. Os azares do destino não quiseram que eu partilhasse do Triunfo. Paciência. A minha "Tournée" seguia normalmente com um esplêndido feito artístico, e agora, que começamos a ver lucros....Abraço-te e que a carreira do "Sete e Meio" faça a carreira do 31. Teu Carlos].
€ 60,00

Manuscrito: Carta de Palmira Bastos

Carta manuscrita e assinada de 3 páginas, datada de 15 de Abril de 1942. [Meu caro amigo: Agradeço-lhe muito a sua amável carta que, até certo ponto para não deixar de ser franca, me surpreendeu, principiando pela palavra: consta! Mas, consta o quê e porquê, Santo Deus?!.. Durante a nossa conversa sobre o desempenho da Madrinha de Charly, manifestei eu porventura d'alguma maneira qualquer contrariedade? Não tenho a certeza!... Nem era possível, meu amigo. Conheço-o há muitos anos, sei que nunca seria capaz d'uma falta de cortezia para ninguem e muito menos para mim, tanto mais que estávamos em sua casa. Se no decorrer da conversa houve de facto qualquer dito da sua parte a meu respeito, nunca poderia ser senão uma simples brincadeira, e eu como tal o tomei. O único mal foi este: Não ri a tempo, pois se o tivesse feito, todos me teriam acompanhado, a sua intenção teria sido compreendida e tinha-se evitado o que deu causa a um mal entendido: O silêncio! Está provado que nem sempre é de ouro, não é verdade? Eu que me tenho na conta de saber sempre o que tenho a dizer e a fazer nas peças, não ataquei a deixa a tempo, desta vez! Não tenho desculpa. Não pense mais, no caso, meu querido amigo. Peço-lhe que acredite na grande sinceridade desta carta e na minha inalterável amizade e grande admiração.].
€ 90,00

23 maio, 2022

Chernoviz, Pedro Luiz Napoleão - Dicionário de Medicina Popular

Diccionário de Medicina Popular e das Sciencias Accessorias para uso das Famílias. Contendo a descripção das causas, symptomas e tratamento das molestias; As receitas para cada molestia; As plantas medicinais e as alimentícias; As aguas mineraes do Brasil, de Portugal e de outros paízes; E muitos conhecimentos uteis. Quinta edição consideravelmente augmentada, posta a par da sciencia, e acompanhada de mais de 500 gravuras intercaladas no texto por.... Obra em 2 volumes. Pariz, em casa do autor, 1878. In-4.º de  VII-1216 + 1240 págs. Profusamente Ilustrados. Encadernações com lombada e cantos em pele com gravações a ouro na lombada. [O Dicionário de Medicina Popular escrito por Pedro Luiz Napoleão Chernoviz – o Dr. Chernoviz –, foi publicado pela primeira vez no Brasil em 1842. A edição contou com uma tiragem de aproximadamente três mil exemplares, número expressivo para a época. Publicado um ano depois de Formulário ou Guia Médico, também do Dr. Chernoviz, o dicionário possuía inegável serventia doméstica. O livro é muito acessível ao público em geral, não só pela forma de dicionário ou pela linguagem, mas principalmente pela utilidade dos assuntos escolhidos. Organizado em ordem alfabética segundo doença, órgão ou medicamento, visava estabelecer uma comunicação entre o saber sistematizado na área e o público leigo. Chegando a áreas afastadas dos centros urbanos e sem acesso aos médicos acadêmicos, a obra permitia que pessoas sem formação adquirissem conhecimento médico imprescindível para diagnosticar e tratar as doenças. O livro foi difundido principalmente no Brasil e em Portugal, mas também teve edições em Espanhol, distribuídas no Peru, México, Venezuela, Paraguai, Uruguai e Espanha. Ao longo das várias edições houve a preocupação recorrente em atualizar o dicionário. Assim, em cada publicação eram acrescidos os avanços científicos no campo da saúde]. Exemplares em bom estado.
€ 240,00

29 abril, 2022

Manuscrito - Hino do Futebol Clube do Porto

Carta dactilografada e assinada pelo Secretário Geral do Futebol Clube do Porto, Ivo Araújo, em papel timbrado "Futebol Clube do Porto - Sociedade Desportiva" datada de 31 de Julho de 1952, dirigida ao escritor Heitor de Campos Monteiro. [Exm.º Senhor: Com os nossos respeitosos cumprimentos, vimos cumprir o grato dever de agradecer a V. Ex.ª a honra que nos deu em compor  os versos do Hino do Futebol Clube do Porto. Os muitos afazeres que tem assoberbado esta Direcção, ainda resultantes da inauguração do Estádio, não permitiram que lhe fizessemos este agradecimento em seu devido tempo. Esperando que V. Ex.ª nos desculpe a falta cometida, confessamos-lhe a nossa gratidão e o muito apreço em que temos o seu talento e as suas atenções para com o nosso Clube. Com os protestos da nossa estima e consideração, subscrevemo-nos. Ivo Araújo (Secretário Geral).
€ 100,00

22 abril, 2022

Manuscrito: 2 Cartas a Braz Burity (Caso Urbino de Freitas)

1 - Carta manuscrita em papel timbrado do Advogado Botto de Carvalho a Joaquim Madureira (Braz Burity), datada de Lisboa 10 de Abril de 1935. [Dr. Joaquim Madureira, meu Amigo: Eu creio que os mistérios são quasi todos de pura invenção nossa. Assim aqueles que, acerca do Correio de Lisboa, o atormentam. Do Frederico só lhe sei dizer que se não passa um dia em que ele me não fale em escrever-lhe mas.... nada a fazer, o que é na vida o pior para que se faça qualquer coisa. Deve ser a razão do Mário Monteiro (Advogado) a quem ontem falei, dou a notícia de que está agindo, como se vê das colunas do Diário de Lisboa. De mim dir-lhe-ei que tive tentações de lhe não responder só para que fosse a Amelinha a fazê-lo. Mas  a Amelinha,  a ingrata, bateu as asas e deixou o ninho. Depois .... eu detesto os mistérios. Por isso arripiado com a prosa 100% comercial do seu amigo Caldevila, cá estou a rabiscar uns dizeres para o Rádio Club e a meter nesta carta um grande abraço para si, do apaixonado amigo da sua Méla e seu muito admirador amigo].

2 - Carta manuscrita de 2 páginas em papel timbrado, do Advogado Mário Monteiro a Joaquim Madureira (Braz Burity) datada de Lisboa, 21-09-1934. [Prezadíssimo confrade Braz Burity, da minha maior admiração: Releve-me a impertinência desta carta, mas escrevo-a na certeza de que V. Exª ma perdoará, visto tratar-se de um assunto interessante e de um grande e de um grande favor que lhe ficarei devendo. Disseram-me há dias que dentro dos dois meses últimos houve alguém que escreveu no Primeiro de Janeiro sobre a inocência de Urbino de Freitas. Como sabe pelos jornais, estou encarregado da revisão do respectivo processo e desejava conhecer o mais possível, quanto se têm escrito sobre o caso. Se V. Ex.ª me indicar a data do jornal em que se fez a referida publicação e o nome do seu autor, é favor que, desde já, lhe agradece o seu sincero admirador].

€ 140,00

16 abril, 2022

Manuscrito - Cartão com sobrescrito de Mendes dos Remédios

Cartão manuscrito, timbrado, com sobrescrito postal circulado, de Mendes dos Remédios dirigido a Hemetério Arantes, datado de Coimbra 27 de Fevereiro de 1916. [Ainda sob o manto da leitura de "D. Theresa Rio-Mayor", livrinho memorável que foi enternecidamente diante dos nossos olhos uma figura tão heróica e tão formosa - apresenta a V. Exa. os seus melhores agradecimentos, felicitando-o ao mesmo tempo pelas páginas de eloquente justiça vingadora que escreveu.].
€ 60,00

Manuscrito - Cartão de Mendes dos Remédios

Cartão timbrado da Universidade de Coimbra, Faculdade de Letras, manuscrito, do Dr. Mendes dos Remédios. [A gente não se vê senão de tarde em tarde e eu não quero demorar os agradecimentos pela oferta do exemplar do seu excelente estudo sobre o nosso E. de C. Pinceladas e Cores tudo é da mão dum Mestre. E quando o leio lamento sempre não ver o seu nome entre os colaboradores da "Biblos". Porque não arranca dos seus papéis alguma cousa?  Trecho de Romance, porque não? Algum Ensaio Histórico, esboço que fosse, tudo de você é interessante porque é bem pensado e é bem escrito. Desculpe estas banalidades ao seu incorrigível amigo e admirador Mendes dos Remédios].
€ 60,00

15 abril, 2022

Manuscrito: Carta de Eugénio de Castro a Hemetério Arantes

Carta manuscrita de 2 páginas assinada, datada de Coimbra 15-III-1916, agradecendo  a oferta dos estudos sobre Ramalho Ortigão e D. Thereza de Rio-Maior, recordando a antiga convivência e reconhecendo a afinidade existente entre os escritos de ambos.

€ 70,00

13 abril, 2022

Manuscrito - Cartão manuscrito de José Luciano de Castro

Cartão manuscrito dos dois lados e assinado, do conselheiro José Luciano de Castro ao 1.º Conde de Monsaraz, datado de 31-3-1908. [Meu caro amigo. Recebi o seu telegrama, que muito agradeço. Como estamos entendidos com o governo, e com os regeneradores, peço-lhe que dê os seus votos á lista governamental. As nossas candidaturas são Oliveira Matos, Oliveira Guimarães e Costa Lobo. Não sei os nomes dos outros, mas aí os saberá. Pode o meu amigo entender-se com o nosso amigo Pádua, que dará as convenientes informações. Ele não quer ser presidente da nossa comissão executiva, mas eu continuo a considerá-lo sempre como tal. Creia-me sempre seu amigo muito verdadeiro e muito reconhecido e obrigado. José Luciano].

€ 80,00

05 abril, 2022

Manuscrito: Carta de Ricardo Jorge a Pereira Coelho

Carta manuscrita em papel timbrado, assinada, do Dr. Ricardo Jorge, dirigida a Pereira Coelho, datada de 29/Setembro/1924. [Meu caro Pereira Coelho. Preciso de lhe falar com grande urgência. Vou dizer-lhe a minha vida: Das 11 1/2 á 1 - estou aqui para onde pode telefonar; da 1 ás 2 - na Garrete a almoçar, onde me dava muito prazer  aparecendo para almoçar comigo; das 2 ás 2 1/4 no Teatro; das 2 1/4 ás 3 1/2 - parte incerta, Bancos, companhias, etc.; das 3 1/2 ás 5 1/2 em geral outra vez aqui. Um grande abraço do Ricardo Jorge]. 
€ 60,00

Manuscrito: Carta de Ricardo Jorge

Carta manuscrita em papel timbrado, assinada do Dr. Ricardo Jorge aos primos, datada de 7/6/1923. [Meus queridos Primos: Não há direito de se estarem a incomodar como o fizeram, na ideia de agradecer um favor, - que o não foi pois não passou de um dever bem fácil de cumprir. As pessoas da família e os Amigo tem a obrigação de se ajudar. Não há pois que oferecer presentes. No entanto com a minha zanga, vai o meu sincero agradecimento. E disponham sempre do amigo muito agradecido - Ricardo Jorge]. 
€ 60,00

Manuscrito: Carta de António Teixeira Lopes a Manuel da Silva Gaio (Eugénio de Castro)

Carta manuscrita e assinada, de uma página, do escultor António Teixeira Lopes, dirigida ao escritor e poeta simbolista Manuel da Silva Gaio, datada de Janeiro de 1932. [Meu Ilustre Amigo: Vão aqui os meus votos de saúde e paz de espírito, e vai também um pedido: desejava imenso ter notícias do nosso grande Amigo Eugénio de Castro, que eu não as obtenho directamente há muito tempo, não obstante pedir-lhas em diversas cartas. Estará o Grande Poeta zangado comigo? Terei cometido falta, mesmo involuntariamente - já se vê -? Tenho esse receio e deso-me! Faça-me o favor de lhe dizer isto e receber dois abraços - um para ele e outro para si. Sempre muito grato e devoto amigo Teixeira Lopes. Gaia - Janeiro de 1932]. 
€ 150,00

24 janeiro, 2022

Maya, Luiz - Pelo Ave

Vila do Conde. Tip. "Minerva" de Alfredo D'Amaral Corrêa. 1915. In-4.º de 202 págs. Br. Ilustrado com fotogravuras  no texto. Primeira edição. Exemplar com dedicatória do filho do autor ao Dr. Oliveira Salazar. Muito raro.
€ 90,00

  

08 janeiro, 2022

Matos, Ludovina Frias de - Poetas Analfabetos

Separata do "Boletim da Biblioteca Pública Municipal de Matosinhos". 1974. In-4.º de 46 págs. Exemplar com interessante dedicatória da autora, em verso, datada e assinada. Primeira edição. Exemplar em bom estado.
€ 24,00

27 dezembro, 2021

Manuscrito: Bilhete Postal de Rodrigues Lapa para Tomaz da Fonseca

Bilhete Postal circulado timbrado "O Diabo - Grande Semanário de Literatura e Crítica", manuscrito de Rodrigues lapa para Tomaz da Fonseca, datado de Lisboa 17 de Novembro de 1936. [Caro Amigo. Muito obrigado pelas suas indicações. Pena foi não dar por vezes a indicação da data, com editora e preço. Vou dar a informação talvez particularmente, porque já apostava injusta e malevolamente a nossa consultora como orgão subversivo.        que me obriga a uma maior prudência. Mande qualquer coisa sobre a serra....]. 
€ 70,00

07 dezembro, 2021

Manuscrito: Bilhete Posta de Joaquim Paço d'Arcos a Mimoso Moreira

Bilhete Postal manuscrito, circulado de Joaquim Paço d'Arcos ao jornalista Mimoso moreira, datado de Luanda, 16-07-1970. [Desta nossa Luanda, onde estou em contacto com os nossos amigos de "A Província de Angola", envio-lhe, com cumprimentos para os seus, um abraço de velha e grata amizade]. 
€ 45,00

Manuscrito: Cartão Pessoal de António Botto

Cartão pessoal timbrado, manuscrito de António Botto datado de Abril 1925, apresentando cumprimeentos.

€ 35,00

02 dezembro, 2021

Aranha, Aurora Jardim - Farrapos de Vida Viva

Livraria e Imprensa  Civilização, Porto, Américo Fraga Lamares & Cia. Editores, 1926. In-8.º de 235-I págs. Encadernação inteira de pele decorada com ferros a ouro ma pasta frontal e lombada e dourado por folha á cabeça.. Ilustrado em separado com um retrato da autora e com desenhos impressos em papel couché, assinados D. Fuas. Primeira edição. Tiragem especial, restrita de 4 exemplares em papel "Wathman", numerados de 1 a 4 (Exemplar n.º 3) e assinados pela autora. Este exemplar possui ainda uma dedicatória especial da autora, ao escritor Campos Monteiro. Peça de colecção.
€ 120,00

13 novembro, 2021

Queiroz, Eça de - Manuscritos

Coordenação de Isabel Segorbe. Quarteto Editora, Coimbra, 2002. In-4.º de 64 págs. Br. Profusamente ilustrado com reprodução de documentos manuscritos de Eça de Queiroz. Primeira edição. Exemplar em bom estado.
€ 28,00