05 novembro, 2019

Escultura Africana no Museu de Etnologia do Ultramar


Director: Jorge Dias. Introdução: Ernesto Viega de Oliveira. Apresentação das etnias: Luis Polanah. Composição e Legendas: Fernando Galhano. Selecção e fotografias Benjamim Pereira. Com a Colaboração de Margot Dias, Fernando Quintino e António Carreira. Direcção gráfica de Vespeira. Junta de Investigações do Ultramar. Lisboa. 1968. In-4.º de 242 págs. Profusamente Ilustrado com dezenas de fotogravuras a preto e branco e com um desdobrável reproduzindo um mapa das regiões central e ocidental de África. Encadernação do editor com sobrecapa de protecção. [Catálogo de grande beleza consagrado à exposição de algumas das peças mais representativas de escultura africana contidas no acervo do Museu de Etnologia do Ultramar, actual Museu Nacional de Etnologia. Apresenta cerca de 210 peças produzidas pelas etnias Bijgó, Nalú, Soninké, Dogom, Bambará, Bobo, Senufô, Lobi, Achanti, Dan-Gueré, Gurô, Baulé, Yoruba, Benim, Kioko, Luena, Ganguela, Kakongo, Baluba, Baiaka, Kikongo, Bakongo, Baioio, Mbàli, Ambaquista e Makonde, antecedidas de pequenos textos acerca das culturas que as produziram. Contém um estudo introdutório sobre a Arte Africana e as contribuições dos movimentos modernistas para a sua valorização, apresentando, em epílogo, um resumo sobre a história do Museu de Etnologia do Ultramar e as suas colecções. Primeira edição. Exemplar em bom estado. 
€ 150,00