11 setembro, 2019

Fernando Pessoa e os do seu Tempo nas Encruzilhadas do Mundo e do Tempo

Escritos Públicos. Selecções "Périplo". Sem data. Organização e posfácio de Petrus. In-8.º de 256 págs. + um encarte. Br. [Importante reunião de manifestos literários que definiram uma certa modernidade em Portugal. Inclui os seguintes documentos: Ultimatum, de Álvaro de Campos - Manifesto Anti-Dantas, de Almada-Negreiros - Sátira Académica, de Bernardo Marques - Primeira Descoberta de Portugal na Europa no Século XX, e 1.ª Conferência Futurista, ambos de Almada-Negreiros - Sátira Literária: A Literatura Oficial Contempla o Orpheu - Ultimatum Futurista às Gerações Portuguesas do Século XX, por Almada-Negreiros - O Elogio da Loucura: Reportagem da 1.ª Conferência Futurista (A Capital) - A Ideia Futurista na Ribalta, de Almada-Negreiros - Sátira Social: Monumento ao Drama Humano, de Arlindo Vicente - Negreiros – Dantas, uma Página para a História da Literatura Nacional, por Francisco Levita - Sátira Política, de Augusto Gomes - Nós, de António Ferro - Aviso por Causa da Moral, de Álvaro de Campos - Manifesto, de Mário Coutinho, Celestino Gomes, Abel Almada e António Navarro - Literatura Viva, e Literatura Livresca e Literatura Viva, ambos de José Régio - Cartaz, de Almada-Negreiros - Presença da “presença” na Literatura e na Crítica do Nossso Tempo, de João Gaspar Simões e José Régio - A Dissidência Presencista, de Adolfo Rocha, Edmundo Bettencourt e Branquinho da Fonseca - Imagens do Movimento Presencista, de Edmundo de Bettencourt, Albano Nogueira e José Régio - Apoteose ao Lirismo Provinciano - Assuada ao Templo das Múmias - Carta Aberta aos Imortais, e Manifesto, ambos de Artur Augusto - História Muda - Fora o Neo-Classicismo - Do Modernismo, de Armando de Basto - Manifesto Resumo do Dimensionismo, e Manifesto do 1.º Salão dos Independentes, ambos de António Pedro. Primeira edição conjunta. Exemplar em bom estado.
€ 120,00